Está aqui

Ensino Básico Recorrente

Ensino Básico Recorrente

O ensino básico recorrente abrange os três ciclos de ensino (1º, 2º e 3º) e está integrado nos percursos educativos e formativos destinados a jovens a partir dos 15 anos e a adultos. Através desta modalidade, quem abandonou precocemente a escola, sem concluir o ensino básico, terá uma segunda oportunidade para concluir a escolaridade obrigatória de 9 anos.

Para quem
O ensino básico recorrente pode ser um percurso indicado para si, se:
- tem idade igual ou superior a 15 anos;
- não concluiu o 1º ciclo (4º ano de escolaridade), o 2º ciclo (6º ano) ou o 3º ciclo (9º ano).

Caso não tenha concluído o ciclo de estudos anterior, poderá solicitar equivalências para as disciplinas que completou.

Acesso
O acesso a qualquer dos ciclos do ensino básico recorrente exige uma das seguintes situações:
- a apresentação de um certificado de conclusão do ciclo precedente;
- a realização de uma avaliação diagnóstica.

A rede de oferta do ensino básico recorrente tem vindo progressivamente a ser substituída por outras ofertas de educação e formação.

Qual o objetivo
O ensino básico recorrente permite-lhe, em qualquer etapa da sua vida, e de acordo com a sua disponibilidade, concluir a escolaridade básica (9º ano de escolaridade) e adquirir conhecimentos e competências consideradas essenciais para o seu desenvolvimento pessoal e profissional.

O que é
O ensino básico recorrente está estruturado em três ciclos:
1º ciclo - correspondente aos quatro primeiros anos de escolaridade;
2º ciclo - correspondente aos 5º e 6º anos de escolaridade;
3º ciclo - correspondente aos 7º, 8º e 9º anos de escolaridade.

O 1º ciclo do ensino básico recorrente permite-lhe essencialmente desenvolver a capacidade de usar corretamente a língua portuguesa (oral e escrita) e conceitos de matemática em situações do quotidiano.
O 2º e o 3º ciclos permitem-lhe prosseguir estudos e desenvolver algumas competências profissionais.