Está aqui

Comunidades Ciganas

Content links

Comunidades Ciganas

 

Estratégia Nacional para a Integração das Comunidades Ciganas (ENICC)

 

Recursos

➣ Promover a Inclusão e o Sucesso Educativo das Comunidades Ciganas – Guião Pedagógico para a educação Pré-escolar – 2021 

No âmbito da Estratégia Nacional para a Integração das Comunidades Ciganas (ENICC) 2018-2022, e no seguimento da publicação, em 2019, do guião Promover a inclusão e o sucesso educativo das comunidades ciganas – Guião para as escolas, a Direção-Geral da Educação elaborou e disponibiliza o guião Promover a inclusão e o sucesso educativo das comunidades ciganas - Guião pedagógico para a Educação Pré-Escolar

Esta publicação tem como objetivo apoiar o trabalho dos/as educadores/as de infância na inclusão de crianças das comunidades ciganas em contexto de jardim de infância, com vista à promoção do seu sucesso educativo e da sua aprendizagem ao longo da vida.

➣ Promover a Inclusão e o Sucesso Educativo das Comunidades Ciganas - Guião para as Escolas - 2019

Apresentado publicamente em abril de 2019, no AE de Esgueira, o documento Promover a Inclusão e o Sucesso das Comunidades Ciganas – Guião para as escolas tem como objetivo orientar e apoiar o trabalho das escolas tendo em vista a inclusão e o sucesso educativo das pessoas ciganas. Tendo por base o princípio da autonomia das escolas, não se pretende apresentar receitas ou prescrições, mas sim recursos, propostas e exemplos de trabalho, integrados numa ferramenta útil para a prossecução quotidiana da missão central do sistema educativo português: a educação para todos, valorizando a presença, a participação e o desenvolvimento de todas as crianças e jovens, independentemente das suas características, num quadro de igualdade de oportunidades e respeito pela diferença.

Programa da apresentação pública do Guião

➣ Reflexo - Ferramenta pedagógica para uma nova relação entre a escola e as comunidades ciganas - 2019

Recurso elaborado no âmbito do projeto Reflexo – Imagens positivas, que decorreu entre fevereiro de 2018 e julho de 2019 com o objetivo geral de contribuir para o combate ao abandono precoce da escola pelas crianças ciganas.

➣ Kit Pedagógico Romano Atmo (Alma Cigana) | Direção-Geral da Educação - 2016

➣ Curta-metragem de animação - Senhelo Calhim - Eu Sou Cigana - 2020

A curta-metragem de animação Senhelo Calhim - Eu Sou Cigana surge no âmbito da candidatura “Abordagens Integradas para a Inclusão Ativa – Norte 2020” e foi desenvolvida pelo Centro de Criatividade Digital da Universidade Católica Portuguesa, em colaboração com a Câmara Municipal de Matosinhos, com o intuito de desconstruir estereótipos, mitos e representações associados à cultura cigana e não cigana, valorizar a multiculturalidade e a escola enquanto espaço integrador de todas as crianças e jovens. 

 

 

Ciclo de Conferências | Comunidades Ciganas

➣ Sucesso educativo: recuperar para avançar - Torres Vedras, 2021 

     Programa

➣ O caminho que fizemos, o presente que moldamos, o futuro que queremos - Online, 2020 

     Programa

➣ Inclusão e Sucesso Educativo - Setúbal, 2019

     Programa 

➣ Conferência e Workshop Educação e Comunidades Ciganas – Barreiro, 2017

     Programa

Webinares

➣ Ciganos Portugueses, Cidadania e Educação - 2021

Nos dias 12 e 13 de abril de 2021, realizou-se o Seminário Nacional Ciganos Portugueses, Cidadania e Educação, organizado com o apoio da equipa do Projeto “EduCig – Desempenhos escolares entre os Ciganos: investigação-ação e projeto de co-design” do Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES) do Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE), em parceria com o Instituto de Sociologia da Faculdade de Letras do Porto, Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti e com o apoio da APS (Associação Portuguesa de Sociologia).

Programa

Seminário - Ciganos Portugueses: Cidadania e Educação (Direto no YouTube)

➣ A intervenção escolar com comunidades ciganas

 

Estudos e Projetos  

Projeto RISE - Booklet informativo

O Projeto Internacional Rise – Roma Inclusive School Experiences, desenvolvido através do método de investigação-ação, teve como objetivos a) promover uma escola mais acolhedora e integradora para as crianças ciganas entre os 6 e os 14 anos de idade, que lhes garantisse o sucesso educativo no currículo oficial regular; b) combater a discriminação na educação; c) reduzir o absentismo e o insucesso escolar das crianças ciganas; d) prevenir o abandono escolar; e) desenvolver estratégias para a produção e partilha de boas práticas baseadas em abordagens pedagógicas ativas, significativas e integradoras; f) fomentar relações positivas e estáveis entre as famílias ciganas, os diversos agentes educativos e a comunidade alargada.