Está aqui

Cidadania, Educação e Defesa Nacional: um Projeto de Todos para Todos - 20 de maio, em Lisboa

Cidadania, Educação e Defesa Nacional: um Projeto de Todos para Todos - 20 de maio, em Lisboa

A Direção-Geral da Educação (DGE), pelo Ministério da Educação, e o Instituto da Defesa Nacional (IDN), pelo Ministério da Defesa Nacional promoverão uma iniciativa destinada às direções das escolas da área metropolitana de Lisboa, nomeadamente dos concelhos de Lisboa, Sintra, Oeiras, Cascais, Loures, Vila franca de Xira, Amadora, Mafra, Odivelas, Setúbal, Almada, Seixal, Sesimbra, Alcochete, Montijo, Barreiro, Palmela e Moita.

Esta iniciativa visa a implementação do ‘Referencial de Educação para a Segurança, a Defesa e a Paz’, sob o lema ‘Cidadania, Educação e Defesa Nacional: um Projeto de Todos para Todos’, que terá lugar no próximo dia 20 de maio de 2016, com início às 9h30, no auditório 3 da Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, cujo programa pode ser consultado no site da DGE.

As inscrições estão abertas até ao próximo dia 18 de maio em: http://area.dge.mec.pt/cidadania

O ‘Referencial de Educação para a Segurança, a Defesa e a Paz’ resultou da colaboração entre o IDN e a DGE, e visa sensibilizar os jovens discentes, nos diversos ciclos de ensino, para as questões relacionadas com a segurança e defesa nacional e promover na sociedade portuguesa uma cultura estratégica. Entretanto, com o objetivo de apoiar a implementação do Referencial de Educação para a Segurança, a Defesa e a Paz, em meio escolar, foi elaborado e recentemente publicado um ebook de apoio para o Tema D do mencionado Referencial, essencialmente dedicado às questões de defesa nacional, às Forças Armadas e às Forças e Serviços de Segurança.

Num momento em que o contexto internacional é marcado por riscos e ameaças, de caráter transnacional, cada vez mais complexos e difusos, a segurança das nações e dos indivíduos assume-se como um objetivo essencial. Nas sociedades democráticas, a segurança encontra-se interligada a valores como o bem-estar e a liberdade, pelo que o conhecimento das questões de segurança e defesa deve estar acessível a todos os cidadãos. Exige, por isso, uma socialização dos mais jovens, desde a educação Pré-Escolar aos ensinos básico ao secundário, em torno de uma cultura de segurança, defesa e paz.

Esta iniciativa contará com a presença de Suas Excelências o Ministro Adjunto, Dr. Eduardo Cabrita, o Secretário de Estado da Defesa Nacional, Dr. Marcos Perestrello, e o Secretário de Estado da Educação, Prof. Doutor João Costa, durante a qual serão assinados protocolos quadro com câmaras municipais da Área Metropolitana de Lisboa, tendo em vista a implementação do ‘Referencial de Educação para a Segurança, a Defesa e a Paz’.

FONTE: DGE/IDN