Está aqui

Recursos/Boas Práticas

Recursos/Boas Práticas

|TEIP  |Notícias  |Enquadramento  |Documentos de Referência  |Rede  |Eventos  |Recursos/Boas Práticas  |Avaliação  |Ações de Capacitação  |Candidaturas ao FSE

Recursos

Webin@r

Filmes - Boas Práticas

Diferenciação pedagógica, PIT e trabalho autónomo

ACND, instrumento de autonomia das escolas

Escolarização e comunidades ciganas

Referências


Recursos

(In)disciplina na escola: Para uma prática integrada e sustentada de intervenção*

*Marisa Carvalho, Victor Rosário, Paula Alão, Mário Cerqueira, Marta Martins e Joaquim Magalhães

Modelo integrado de atuação do Agrupamento de Escolas de Frazão

No âmbito do programa de apoio ao desenvolvimento dos Territórios Educativos de Intervenção Prioritária – TEIP, a Universidade Católica do Porto editou um e-book sob o tema “Promoção do Sucesso Educativo” que reúne um conjunto de artigos, que revelam um horizonte de possibilidades de sucesso.

O Agrupamento de Escolas de Frazão, Paços de Ferreira, deu o seu contributo apresentando o projeto “SER – Segurança, Envolvimento e Responsabilidade” que procura dar resposta à gestão de fenómenos relacionados com a indisciplina através de um modelo de atuação integrado e sustentado neste âmbito.

O presente artigo faz um breve trajeto de sistematização das manifestações aos contextos da indisciplina, passando pela atuação tradicional reativa e punitiva, finalizando com a apresentação do modelo de promoção de comportamentos positivos assente numa abordagem multinível que é, sobretudo, um modelo integrado de atuação de escola.

Para saber mais consultar:

(In)disciplina na escola: Para uma prática integrada e sustentada de intervenção

webinar - Abordagens multinível na educação: Uma prática integrada na aprendizagem e no comportamento

♦♦♦

Este guião prático Planeamento e Avaliação de Projetos, de Luís Antunes Capucha, editado em abril de 2008 pelo Ministério da Educação - Direcção-Geral de Inovação e de Desenvolvimento Curricular, atual Direção-Geral da Educação, pretende apoiar os profissionais de ensino nos procedimentos relativos ao planeamento e avaliação dos projetos nas escolas.

Planeamento e avaliação de projetos - Guião Prático

♦♦♦

No âmbito de um protocolo estabelecido entre a Comissão Nacional de Proteção das Crianças e Jovens em Risco, o Instituto de Segurança Social, I.P., e a Generalitat Valenciana, Consejería de Bienestar Social foi publicado, em 2008, o Guia de Orientações para Profissionais da Educação na abordagem de situações de maus-tratos ou outras situações de perigo.

Este Guia pretende ser mais um instrumento facilitador/orientador da “desejável homogeneidade e articulação das adequadas intervenções, sem prejuízo da legítima liberdade/criatividade de cada agente individual ou institucional, no quadro das suas responsabilidades legais e sociais”.


Webin@r

 

A Direção-Geral da Educação (DGE) tem em curso a iniciativa denominada Webinar. Caracteriza-se pela realização de conferências em linha dirigidas à comunidade escolar, cobrindo diversas temáticas relacionadas com a sua missão.

As sessões Webinar têm uma periodicidade semanal, todas as quintas-feiras, pelas 15:00 horas, com uma duração máxima de 20 minutos e com a possibilidade de os espectadores posteriormente colocarem questões via e-mail (webinar@dge.mec.pt) sendo depois respondidas pela mesma via.

A iniciativa conta com a presença de especialistas em áreas temáticas de manifesto interesse para as escolas, assim como de professores que darão o seu testemunho relativamente a experiências inovadoras que têm vindo a pôr em marcha nas respectivas comunidades educativas. Espera-se que estes materiais se constituam em instrumentos facilitadores e potenciadores da ação dos docentes dos diferentes níveis de educação e ensino.

Webinar em destaque

Abril 2017 | Como ser um professor impulsionador do Collaborative Problem Solving
Ivete Azevedo | Licenciada em Matemática - Universidade do Porto e Pós-doutorada em Psicologia da Educação

Collaborative Problem Solving (CPS) é uma metodologia cognitiva e educacional, que corporiza um conjunto de competências críticas e necessárias, quer em contexto educacional quer no mercado de trabalho.

Histórico Webinar

2017

março 2017 | Diferenciação Pedagógica
Pascal Paulus | Fundação Aga Khan. Licenciado em Ciências de Educação – formação de adultos.

fevereiro 2017 | Trabalho de e por projeto
Joaquim Segura | Professor de Português e de PLNM no Agrupamento de Escolas Nuno Gonçalves, onde é também Coordenador do Departamento de Português. Desenvolve atividades de formação no Movimento da Escola Moderna.

fevereiro 2017 | Práticas promotoras de cooperação entre alunos
Ariana Cosme | Doutoramento em Ciências da Educação na Faculdade de Psicologia e de Ciências da U. do Porto. É Professora Auxiliar de Nomeação definitiva da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da U. do Porto e investigadora do Centro de Investigação e Intervenção Educativas-CIIE.

2016

dezembro 2016 | Afinal, porque avaliamos?
Anabela Costa Neves | Diplomada pelo Magistério Primário de Lisboa, Licenciada em Filosofia – U. Nova de Lisboa, Mestre em Avaliação – U. Católica Portuguesa (UCP).
Antonieta Lima Ferreira |
Licenciada em Línguas e Literaturas Modernas – Universidade de Lisboa, mestre em Avaliação, no Instituto da Educação (ULisboa).

novembro 2016 | Abordagens multinível na educação: Uma prática integrada na aprendizagem e no comportamento 
Marisa Simões Carvalho |  Doutorada em Psicologia Vocacional
João Filipe Freire |  Mestre em Psicologia Educacional

junho 2016 | Aprendizagem da leitura e da escrita: atividades lúdicas
Sofia Jorge Ferreira |  Mestre em Psicologia Educacional
Ana Cristina Silva |  Doutorada em Psicologia da Educação

maio 2016 | Supervisão - uma perspetiva colaborativa
Manuela Espadinha | Mestre em Ciências da Educação
Rui Alves |  Mestre em Gestão da Formação Desportiva, pela Faculdade de Motricidade Humana

abril 2016 | Tutoria escolar: a relação que (se) transforma
João Freire | Mestre em Psicologia Educacional

março 2016 | A intervenção escolar com comunidades ciganas
Sónia Fazenda |  Licenciada em Sociologia     

fevereiro 2016 | G.A.M.E. – Gerar Aprendizagem, Motivação e Empenho
Hélder Cacito Marto | Licenciado em Biologia

janeiro 2016 | A avaliação focada nas aprendizagens dos alunos
Anabela Serrão |  Aluna de doutoramento em Sociologia no Instituto Universitário de Lisboa      

2015

dezembro 2015 | Formar professores em Inquiry e Avaliação – Projeto SAILS
Cecília Galvão | Doutora em Educação, Professora Catedrática do Instituto de Educação, Universidade de Lisboa    
                                                    

novembro 2015 | Equipas multidisciplinares no 1.º CEB
Carla Cibele | Licenciada em Psicologia da Educação (ISPA), mestre em Relações Interculturais (UA) e doutorada em Educação (Universidade de Lisboa).                                                         

abril 2015 | A monitorização para a promoção das aprendizagens
Professora Doutora Teodolinda Magro | Coordenação Nacional Projeto TurmaMais                                                         

março 2015 | Funcionamento da TurmaMais no 1.º Ciclo
Professora Doutora Teodolinda Magro | Coordenação Nacional Projeto TurmaMais    

fevereiro 2015 | A Mediação ao serviço do sucesso educativo
Fátima Matos | Licenciada em Serviço Social, pelo Instituto Superior de Serviço Social de Lisboa; Pós Graduada em Direito de Família e Menores, pela Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa;Pós Graduada em Mediação Familiar pelo ISPA.

janeiro 2015 | Educação Escolar e Minorias
Maria José Casa-Nova | Mestre em Educação Intercultural, Universidade do Porto. Doutora em Socio-Antropologia da Educação e da Cultura, Universidade de Granada.

Documentos de apoio ao Webinar Educação Escolar e Minorias
Etnografia e produção do conhecimento
Minorias

2014

novembro 2014 | A gestão da indisciplina nas escolas e nas salas de aulas
Ariana Cosme | Doutoramento em Ciências da Educação na Faculdade de Psicologia e de Ciências da U. do Porto. É Professora Auxiliar de Nomeação definitiva da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da U. do Porto e investigadora do Centro de Investigação e Intervenção Educativas-CIIE.                                                         

outubro 2014 | Fatores explicativos do sucesso educativo
Ricardo Rodrigues | Licenciado e Doutorado em Psicologia Social e das Organizações pelo ISCTE─Instituto Universitário de Lisboa                                                        

julho 2014 | Do JI para o 1.º Ciclo. Transição ou continuidade?
Sofia Jorge Ferreira | Mestre em Psicologia Educacional pelo Instituto Superior de Psicologia Aplicada (ISPA).
Pascal Paulus | Fundação Aga Khan. Licenciado em Ciências de Educação – formação de adultos.

maio 2014 | A sedução dos alunos para as aprendizagens
Bruno Dionísio | Licenciado e Doutorado em Psicologia Social e das Organizações pelo ISCTE─Instituto Universitário de Lisboa    

março 2014 | Aprender a ler e a escrever: atividades e rotinas
Maria Encarnação Silva | Licenciada em Ensino (Variante de Português Francês) pela Escola Superior de Educação de Lisboa e mestre em Linguística do Texto pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa.

fevereiro 2014 | Avaliar para melhorar aprendizagens e resultados
Helena Isabel Parreira | Licenciada em Línguas e Literaturas Modernas pela Universidade Autónoma de Lisboa e Pós-Graduada em Ciências da Educação pela mesma Universidade.
Isabel José Fialho | Doutoramento em Ciências da Educação.É docente no Departamento de Pedagogia e Educação da Universidade de Évora desde 1991.

janeiro 2014 | A importância das lideranças no sucesso educativo
Luísa Tavares Moreira | Doutorada em Ciências da Educação pela Universidade Católica Portuguesa (UCP).

2013

novembro 2013 | Estratégias de Motivação na Resolução de Problemas
Carlota Dias| Doutorada em Estudos da Criança, da área científica de Matemática Elementar pela Universidade do Minho, pós-graduada em Educação Especial – Domínio Visual pela ESE – Instituto Piaget.                          

outubro 2013 | Articular e capacitar para a aprendizagem
Joaquim Escola | É licenciado em Filosofia – ramo de formação educacional - e Mestre em Filosofia Contemporânea pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Doutorou-se em Ciências da Educação pela UTAD.
Daniela Gonçalves | Licenciada em Filosofia e Mestre em Filosofia Moderna e Contemporânea pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto, possui uma pós-graduação em Supervisão Pedagógica e Formação de Formadores.

Gracinda Castanheira  | Docente do Agrupamento de Escolas Alberto Sampaio, do grupo disciplinar de Português/História do 2.º ciclo.

julho 2013 | TurmaMais: um projeto holístico centrado na missão da escola
Teodolinda Magro | Licenciada em Ensino de História e Ciências e Sociais, pela Universidade de Évora.
José Alberto Fateixa | Licenciado em Farmácia e professor na Escola Secundária de Estremoz.

junho 2013 | O Projeto Fénix no 1.º Ciclo
Pedro Pinto | Licenciado em Ensino em Educação Física com percurso profissional realizado no 1.º Ciclo do Ensino Básico, no Ensino Superior Politécnico na área de Educação Física e no Ensino Recorrente de Adultos.
Joaquim Pinto | Licenciado em Matemática e Ciências da Natureza com percurso profissional realizado no 1.º ciclo do Ensino Básico e Mestre em Pedagogia do e-learning pela Universidade Aberta.

abril 2013 | Avaliação e monitorização de Escolas
Mário Rocha | Diretor AE de Cristelo
Pedro Florêncio | Diretor AE Ordem de Snt’iago

fevereiro 2013 | TurmaMais e a Promoção do Sucesso Escolar
Teodolinda Magro | Licenciada em Ensino de História e Ciências e Sociais, pela Universidade de Évora.
José Alberto Fateixa | Licenciado em Farmácia e professor na Escola Secundária de Estremoz.

janeiro 2013 | Projeto Fénix – Programa Mais Sucesso Escolar
Fernando Elias | Mestre em Ciências da Educação – Especialização em Educação e Diversidade Cultural, pela Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto.
Maria Teresa Lopes | Licenciada em História pela Faculdade de Letras da Universidade Clássica de Lisboa.
Dulce Chagas | Licenciada em Matemática, pela Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. Possui pós-graduação em Estatística e Gestão de Informação, pelo Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação da Universidade Nova de Lisboa.
Maria Teresa Cerqueira | Licenciada em História pela Universidade do Porto, e pós graduação em avaliação e desenvolvimento curricular na FPUL

2012

novembro 2012 | Escolas TEIP nos Rankings – casos de sucesso
António Duarte | Diretor AE D. Pedro I
António Pereira | Diretor AE de Maximinos

fevereiro 2012 | Programa Mais Sucesso Escolar – Escolas de tipologia Híbrida
Adília Cruz  | Licenciada em Geografia pela Universidade do Porto. Pós–graduação em Gestão da Melhoria.
Maria Cristina Saavedra | Licenciada em Matemática
Manuela Ferreira | Licenciada em Ensino de Português-Inglês e pós-graduação em Ciências Educativas na área da Administração Escolar, ambas pela Universidade do Minho.
Maria João Freitas | Licenciada em Ensino de Português-Inglês pela Universidade do Minho e bacharelato em Tradutora-Intérprete pelo ISAI (Instituto Superior de Assistentes e Intérpretes).
Bruno Santos | Licenciado no Curso de Professores do Ensino Básico Variante de Educação Musical pela Escola Superior de Educação. Pós-graduação em Administração Escolar
Maria Gorete Fonseca | Mestre em Relações Interculturais e encontra-se a fazer um Doutoramento em Educação - Formação de Professores.

janeiro 2012 | O papel das estruturas intermédias e suas lideranças na qualidade das práticas de ensino
Helena Quintas | Professora Universidade do Algarve

2011

dezembro 2011 | A tipologia Fénix
Luísa Moreira | Licenciada em Ciências Religiosas e Mestre em Administração e Organização Escolar, pela Universidade Católica, Porto.

outubro 2011 | PMSE – A tipologia TurmaMais
Teodolinda Magro | Licenciada em Ensino de História e Ciências e Sociais, pela Universidade de Évora.

junho 2011 | Avaliação e auto regulação no âmbito do TEIP
Rodrigo Queirós e Melo | Professor Universidade Católica Portuguesa

junho 2011 | Trabalho entre pares (alunos) para o desenvolvimento de competências pessoais e sociais
Alzira Roso | Diretora AE Agostinho da Silva

maio 2011 | O papel do amigo crítico no apoio à autoavaliação como mecanismo de introdução de melhoria
Vitor Alaiz | Professor Universidade Católica Portuguesa e perito externo do Programa TEIP

maio 2011 | O estilo de liderança e a cultura organizacional da escola
Mariana Dias | Professora ESE de Lisboa e perita externa do Programa TEIP

abril 2011 | Nenhum a menos: integração de um povo que vive debaixo das estrelas …
Helena Pereira | Diretora AE de Calendário

abril 2011 | Envolvimento dos diversos atores na reflexão sobre a escola
Luísa Antunes | Diretora AE do Vale da Amoreira

março 2011 | O projeto curricular de turma como instrumento estratégico no processo de diferenciação pedagógica
Pascal Paulus | Programa K’CIDADE/ Fundação Aga Khan Portugal e perito externo Programa TEIP

março 2011 | Estratégias de Trabalho com alunos de etnia cigana
Joana Fernandes | AE Piscinas


AE de João da Rosa | Des(envolver) em Rede: TEIP | http://www.youtube.com/watch?v=48RDlbd2MPg

AE de Cristelo | Monitorização é preciso:TEIP | http://www.youtube.com/watch?v=48ufFY2gDjo

AE do Vale da Amoreira | Gestão para o sucesso: TEIP | http://www.youtube.com/watch?v=u-HVuySn0kY

AE Maximinos | Equipas Educativas: TEIP | http://www.youtube.com/watch?v=hF8aViBBlRc

AE do Monte da Caparica | Projeto Ancoragem | http://www.youtube.com/watch?v=SCKaoZu314U

AE de Sines | Riscar o Risco: TEIP | http://www.youtube.com/watch?v=Q1I7w9qJXSs


Diferenciação pedagógica, PIT e trabalho autónomo

Moodle do 1º ciclo - Oficina de formação TEIP (Clicar em "recursos" na caixa no canto superior esquerdo e procurar os recursos do tema 5 para informações acerca do registo na plataforma.) 

 Trabalho autónomo: que autonomia e que trabalho? 

 Jornal Virtual de Turma (1º ciclo) com relatos de trabalho 


ACND, instrumento de autonomia das escolas


Escolarização e comunidades ciganas

  •   Histórias do povo Cigano  
  •   A Matemática e o Cigano 
  •   Da Alfabetização à Inclusão Social 
  •   História do povo Cigano na Europa 
  •   A mediação intercultural e a construção de diálogos entre diferentes: notas soltas para reflexão
  •   Mediação com Comunidades Ciganas 
  •   A Escola e a Mudança Social Cigana 
  •   Evolução nos Giganos
  •   Associação de professores de ciganos 
  •   Ciganos com estudos, ciganos com futuro
  •   Seja qual for o teu sonho, termina o ensino secundário! 

  • Referências

  • Abrantes, P. (2010). Escolas de qualidade para todos: alguns casos de inovação e sucesso. In O Estado da Educação em Portugal, Lisboa, Conselho Nacional de Educação.
  • Abrantes, P.; Leal, T. & Caeiro, T. (2009). Combate ao Insucesso Escolar em Três Territórios Educativos de Intervenção Prioritária, Relatório Final, Setúbal, Escola Superior de Educação do IPS.
  • Alaiz, V.; Góis, E. & Gonçalves, C. (2003). Auto-avaliação de Escolas. Porto: Edições ASA.
  • Alonso, L. (2000). Ensino Básico e Integração Educativa nos TEIP. In AAVV, Territórios Educativos de Intervenção Prioritária, Lisboa, IIE/ME, pp. 197-205.
  • Barroso, J. (1997). Da exclusão escolar dos alunos à inclusão social da escola: que sentido para a territorialização das políticas educativas? In Actas do Fórum Contra a Exclusão Escolar, Lisboa, Ministério da Educação/PEPT.
  • Benabou, R.; Kramarz, F. & Prost, C. (2004). Zones d' education prioritaire: quels moyens pour quels résultats? Une évaluation sur la période 1982-1992. In Économie et Statistique, n.º 380, p. 3-34.
  • Bettencourt, A. & Sousa, M. (2000). O Conceito de Ensino Básico e as Práticas de Integração Educativa. In AAVV, Territórios Educativos de Intervenção Prioritária, Lisboa, IIE/ME, pp. 13-44.
  • Canário, R.; Alves, N. & Rolo, C. (2000). Territórios Educativos de Intervenção Prioritária: Entre a “igualdade de oportunidades” e a “luta contra a exclusão social”. In AAVV, Territórios Educativos de Intervenção Prioritária, Lisboa, IIE/ME, pp. 139-170.
  • Canário, R. (2009). Territórios educativos e políticas de intervenção prioritária: uma análise crítica. Perspectiva, Florianópolis, 22 (1), pp. 47-78.
  • Doherty, J.; MacBeath, J.; Jardine, S.; Smith, I. & McCall, J. (2001). Do School Needs Critical Friends? In J. MacBeath & P. Mortimore (Eds.), Improving School Effectiveness (pp. 138-151). Buckingam: Open University Press.
  • Fialho, A. M.; Rodrigues, C. M. & Ferreira, J. M. (2002). Viver a Avaliação de Escola. Memória de uma Experiência. Lisboa: Plátano.
  • Guerra, I. (2003). O território como espaço de acção colectiva: paradoxos e virtualidades do jogo estratégico de atores no planeamento territorial em Portugal. In Boaventura Sousa Santos (org.), Democratizar a Democracia: Os Caminhos da Democracia Participativa, Porto, Afrontamento.
  • Leite, C. (2000). A figura do ‘amigo crítico’ no assessoramento /desenvolvimento de escolas curricularmente inteligentes. Paper presented at the O Particular e o Global no Virar do Milénio: Cruzar Saberes em Educação.
  • MacBeath, J.; Meuret, D.; Schratz, M. & Jakobsen, L. B. (2005). A História de Serena. Viajando Rumo a uma Escola Melhor. Porto: Edições ASA.
  • Palma, J. B. (1999). Introdução ao Projecto Qualidade XXI. Lisboa: Instituto de Inovação Educacional.
  • Sarmento, M.; Parente, C.; Matos, P. & Silva, O. (2000). A Edificação dos TEIP como Sistema de Acção Educativa Concreta. In AAVV, Territórios Educativos de Intervenção Prioritária, Lisboa, IIE/ME, pp. 105-138.
  • Seabra, T. (1998). As Estratégias Educativas das Famílias, Lisboa, IIE.