Está aqui

Projeto-piloto de oferta da Língua Italiana no ensino secundário

Content links

Projeto-piloto de oferta da Língua Italiana no ensino secundário

Enquadramento em vigor

   o Acordo sobre Cooperação Cultural e Científica, entre o Governo da República Portuguesa e o Governo da República Italiana, assinado a 24 de março 1977, em Lisboa;
   o Memorando de Entendimento relativo ao Ensino da Língua Italiana em Portugal, entre o Ministério da Educação da República Portuguesa e o Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação Internacional da República Italiana, assinado a 31 de julho 2019, em Lisboa.

Implementação 

Projeto-piloto na área do ensino do Italiano, nível de Iniciação, resultante de uma cooperação entre Portugal e Itália na área da educação, implementado desde 2017/2018 numa escola pública portuguesa com ensino secundário, através da oferta de um Curso Livre de Italiano como atividade extracurricular. 

A partir de 2021/2022, prevê-se que o Projeto-piloto seja implementado em novos agrupamentos de escolas.

Objetivos 

   o Contribuir para a diversificação da oferta linguística e cultural no currículo português;
   o Promover o ensino do Italiano, através da sua oferta como LE III no currículo dos cursos científico-humanísticos do ensino secundário;
   o Contribuir para o desenvolvimento de competências linguísticas dos alunos portugueses na língua italiana; 
   o Fomentar a língua italiana e atividades relacionadas com a cultura italiana nas escolas públicas portuguesas com ensino secundário e respetiva comunidade educativa.

Destinatários 

Agrupamentos/escolas do ensino secundário.

N.º de Docentes/Agrupamentos envolvidos

   o 1 Docente de Italiano em 2020/2021, graciosamente cedido pelo Instituto Italiano de Cultura (IIC) de Lisboa;
   o 1 Escola secundária em 2020/2021, na região de Lisboa e Vale do Tejo.

Acompanhamento e monitorização

Criação de uma Comissão de Acompanhamento, constituída por dois representantes da Parte italiana e dois representantes da Parte portuguesa, incluindo a Direção-Geral da Educação (DGE), para acompanhar, monitorizar e avaliar o Projeto-piloto, assegurando as questões relativas ao acompanhamento científico e à garantia da qualidade do ensino/aprendizagem da língua italiana.

Serviços e parceiros envolvidos

DGE, Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares, Secretaria-Geral da Educação e Ciência & IIC e Embaixada de Itália em Lisboa.

Menu